Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Porto de Futuro

As pessoas e as ideias por detrás das empresas. O Porto como ponto de partida.

Porto de Futuro

As pessoas e as ideias por detrás das empresas. O Porto como ponto de partida.

Saúde: nova tecnologia vai ajudar pacientes com próteses e ortóteses

A empresa Kinematix anunciou o lançamento do ORTHOMONiTOR, um dispositivo wearable para ser inserido em ortóteses e próteses a fim de obter a informação essencial durante todo o tratamento. Combinando sensores de movimento, comunicação wireless e apps, o objetivo do ORTHOMONiTOR é reduzir os ciclos de tratamento através do incentivo e motivação dos pacientes ao mesmo tempo que fornece a informação em tempo real aos médicos.

 

O ORTHOMONiTOR faz uma análise contínua acerca da atividade dos pacientes, assim como dos períodos de utilização de ortóteses e próteses. O sistema mostra não só se um aparelho ortopédico está a ser usado, mas também como está a ser usado. O ORTHOMONiTOR permite ter acesso a novas opções e conhecimento útil para o tratamento de úlceras causadas pelo pé diabético, reabilitação após um AVC e outras disfunções ao nível da postura e mobilidade.

carrousel-05_1-05.png

 “O ORTHOMONiTOR vai além dos cuidados clínicos ao garantir orientação e feedback de forma contínua”, afirma Miguel Oliveira, Chief Scientific Officer da Kinematix. “Mais ainda, o ORTHOMONiTOR ajuda a promover a autogestão, já que encoraja o paciente a participar ativamente no seu tratamento”.

 

De acordo com Joseph Ternullo, Presidente da Kinematix nos Estados Unidos, “o ORTHOMONiTOR abre caminho para uma nova geração de aparelhos ortopédicos e protéticos inteligentes e vem juntar-se a um conjunto de produtos já oferecidos pela Kinematix e que acreditamos contribuirá para melhorar o tratamento de problemas clínicos relacionados com a mobilidade”.

 

A Kinematix, empresa graduada do UPTEC, desenvolve dispositivos inteligentes que permitem extrair conhecimento acerca do movimento e postura para melhorar o funcionamento do corpo humano. Os seus produtos beneficiam de tecnologia inercial avançada, sensores de pressão, firmware e software de análise sofisticados por forma a medir e reportar informação essencial em tempo real através de comunicação wireless. As tecnologias da Kinematix têm como público-alvo as indústrias médica e desportiva (diabetes, osteoartrite, AVC, disfunções musculo-esqueletais e lesões ortopédicas). Sediada em Portugal, a Kinematix tem ainda subsidiárias nos Estados Unidos e no Reino Unido, assim como um escritório na Holanda.

 

Fonte: UPTEC

Trabalho: é hora de fazer exercício físico

Quem nunca terminou um dia de trabalho com algum tipo de dor que atire a primeira pedra. Qualquer função pode trazer desconforto físico. Tudo depende da forma como tratamos o nosso corpo durante o trabalho. Já pensou nisso? Provavelmente sim, mas talvez nunca tenha pensado no que pode fazer durante o horário laboral para melhorar a situação. Não tem mal, a E-Act pode dar uma (grande) ajuda.

 

 

A E-Act, junção de Empresa Activa, tem como principais campos de atuação o exercício físico laboral, a conscientização para questões de ergonomia no local de trabalho e a fisioterapia preventiva. A empresa, incubada no UPTEC, tem uma carteira de clientes que vai desde a Jerónimo Martins, Efacec, RTE, até empresas tecnológicas como a Adclick e a Blip.

 

Com uma equipa polivalente, Helena Pereira e Caroline Prufer começaram a desenvolver a metodologia da empresa em 2008, ainda na faculdade, durante um projeto de investigação liderado por Rui Garganta, docente da Faculdade de Desporto da Universidade do Porto (FADEUP). Descobriram, entretanto, que havia uma oportunidade de negócio e fundaram a empresa em 2010. O facto de terem nascido numa faculdade “fez toda a diferença na metodologia de trabalho adotada”, explica Caroline Prufer, fisioterapeuta especializada em saúde do trabalhador.

 

Apesar de ser “um serviço que ainda está a conquistar espaço em Portugal”, a E-Act tem conseguido “manter clientes desde o início” e neste momento está a apostar em empresas da área das Tecnologias de Informação. “A nossa metodologia está em constante evolução”, salienta Helena Pereira, licenciada em educação física e mestre em atividade física e saúde.

 

As duas profissionais acreditam que a empresa consegue distinguir-se no mercado ao apresentar indicadores científicos que comprovam o aumento da produtividade nas empresas que adotam práticas para melhorar a saúde dos trabalhadores.

 

Em 2015, a E-Act vai expandir-se para o centro e o sul do país, estando já a dar formação a novos profissionais. A empresa foi também contactada pelo secretário de estado do desporto para desenvolver uma formação para os profissionais da área, já que esta ainda é uma disciplina pouco explorada no ensino superior.

 

Fonte: SAPO

Olá!

Seja bem-vindo. Se chegou até aqui veio à procura de ideias novas, negócios em ascensão e mentes criativas. Este blog é o lado mais visível da parceria entre o Portal SAPO e o UPTEC - Parque de Ciência e Tecnologia da Universidade do Porto. Fique mais um pouco e sinta-se em casa :)

UPTEC

SAPO

Pesquisar

 

Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D

Mensagens

subscrever feeds

Em destaque no SAPO Blogs
pub